Both are full of ample luminous content to supply a excellent night-time legibility, as well as their shape and replica watches size is large enough to offer the required contrast in daytime.
Top
Milão, Itália, onde comer, gastronomia, culinária italiana, panzerotti, Luini, gelato, atrações, restaurantes, turismo

Quando comentei com amigos que eu iria para Milão foi unânime a indicação: vá ao Panzerotti di Luini. Assim como na maioria das dicas que recebi para a Itália, tratava-se de algo para comer.

Quer mais dicas sobre a Itália? Não deixe de ler:

 

Conheça o Panzerotti de Luini: parada obrigatória na cidade

 

Onde comer em Milão?

Admito que nunca havia ouvido falar a respeito desse tal de panzerotto (panzerotti – com “i é plural”),  muito menos o específico de Luini. Portanto, incluí o local no meu roteiro e lá fui eu conferir pessoalmente. Descobri que é o tipo de parada obrigatória em Milão, bastante popular entre os locais e os turistas.  Os panzerotti são pães recheados e fritos e podem ter diversos sabores. É uma opção para quem quer comer algo rápido e típico italiano.

A localização do Luini é fantástica. Está na região em que qualquer turista acaba passando em Milão. Você visita o Duomo, entra na Galleria Vittorio Emanuelle II e atravessa ela por dentro. Pois bem, saindo da galeria, em uma pequena rua lá está a tal loja dos panzerotti. Na realidade, você vai perceber que está próximo, pois começará a ver as pessoas circulando com uma mesma sacolinha branca de papel.

Prepare-se para a fila

A loja é bem compacta. Por isso, não espere por mesas, cadeiras, etc. É apenas para comprar o panzerotto e procurar um lugar para comer, seja na calçada, em alguma praça ou caminhando mesmo.

 

viajar é preciso, viagem, destino, viajando pelo mundo, #heyiamlili, turismo, roteiro de viagem, viajar, mochilão, mochilando, blog de viagem, Itália, Milao

Não espere por uma padaria convencional, a loja é essa portinha.

 

Há bastante fila e obviamente, quanto mais perto do horário do almoço, maior ela é. De qualquer forma, há funcionários da própria loja que ficam organizando a fila e ela anda de forma bastante rápida.

A loja oferece opções doces e salgadas, sendo que essa última pode ser frita ou assada. Optamos pelo carro-chefe: panzerotto frito sabor tomate e mozzarella.

Com a nossa sacolinha em mãos fomos até uma piazza próxima e fomos degustar o tão famoso salgado. De fato, sentamos em frente ao Teatro alla Scala, outro ponto famoso na cidade. Já anota a dica de lugar perto, turístico e bacana para degustar o seu quitute.

Realmente, os panzerotti fazem jus a fama. Recheio bastante generoso, bem quentinho e escandalosamente saboroso. Para um comparativo, diria que é algo próximo do que é vendido como fogazza em São Paulo, mas uma versão mais robusta e saborosa. Estamos na Itália, né?

 

A suspresa da Ciocolatialiani

Durante a espera na fila do Luini, reparei que do outro lado da calçada havia uma sorveteria bastante interessante. Diferente das gelaterias italianas tradicionais, era um local mais chamativo, com um cone de sorvete gigante na calçada, placas coloridas por dentro e fontes de chocolate lá dentro.

Não tinha como passar desapercebido e muito menos ser esquecido por mim. Após degustar o meu delicioso panzerotto, voltei para a mesma rua, mas para comprar uma sobremesa. Perché no?

O local serve o delicioso gelato italiano em uma versão mais moderna e/ou americanizada, se assim poderia dizer. Sorvetes servidos na casquinha com amêndoas, com chocolate por dentro, com coberturas diversas e complementos variados.

Sem preocupação com dieta e nem medo de ser feliz fui logo de casquinha de amêndoas, com chocolate quente dentro, dois sabores de sorvete em duas bolas generosas. A atendente ainda colocou um biscoitão em cima para finalizar! Por outro lado, meu marido foi por uma opção mais tradicional: apenas duas bolas de sorvete no copinho.

 

viajar é preciso, viagem, destino, viajando pelo mundo, #heyiamlili, turismo, roteiro de viagem, viajar, mochilão, mochilando, blog de viagem, Itália, Milao

Saboreando um delicioso gelato da Cioccolatitaliani

 

Para quem gosta de sorvete cheio de complementos o local é um verdadeiro paraíso. Da mesma maneira, para quem quer algo mais básico, como o meu marido, também é perfeito, uma vez que a massa do sorvete é deliciosamente italiana.

Onde comer em Milão?

Voltei para Milão dois meses depois e fiz essa mesma visita aos dois locais. Na mesma ordem e praticamente fazendo o mesmo pedido. Foi então que percebi que para mim será sempre uma parada obrigatória quando estiver por lá.

Vale ressaltar que na segunda vez fui era quase no começo do verão e as filas dos dois estavam muito maiores. Desse modo, imagino que na alta temporada os locais devem ficar extremamente cheios. Ainda assim, insisto, encare as filas.

viajar é preciso, viagem, destino, viajando pelo mundo, #heyiamlili, turismo, roteiro de viagem, viajar, mochilão, mochilando, blog de viagem, Itália, Milao

Localização do Luini e do Cioccolatitaliani – próximo ao Duomo

Para você não deixar de visitar, anote os endereços e se programe para quando estiver por lá.

Panificio Luini – Via Santa Radegonda, 16 – Milão, Itália

Não perca as outras dicas desta super série sobre a Itália!

Espero que goste e buon appetito!

Comments:

  • Fernanda PALOMARES

    novembro 19, 2018

    Fantástico, amei a dica!!!

    reply...
    • Lili Simmelink

      novembro 20, 2018

      Muito feliz que amou a dica <3 Obrigada pelo comentário!
      Um beijo!

      reply...

post a comment